segunda-feira, 23 de junho de 2014

O AMOR...






Hoje testemunhei o amor sob várias latitudes e, de facto, o amor é a base de tudo, seja aquele que
 
sentes por ti ou aquele que sentes pelos outros! É ele que te permite rir e chorar com a mesma intensidade,
 
é ele que te liberta as palavras e solta os afetos e é ele que te empurra e entrega para a eternidade de um
 
momento. Hoje misturei-me com ele numa enorme salada de gente diferente e oriunda de ...não sei quantos
 
países. O amor não tem língua nem ideias, apenas se deixa sentir e eu senti-o, eu vi-o, estava em dezenas
 
de olhares, centenas de vezes ao mesmo tempo. Confesso que me sinto um privilegiado por ter feito parte
 
deste dia e ter estado com estas pessoas. Sinto-me maior e mais rico, mais homem também. Sim, homem
 
que é homem ama e exprime-se amando sem medo algum do que possam pensar a seu respeito. Portanto,
 
permite-te, liberta-te e entrega-te. Se o fizeres estarás, garantidamente, a amar-te e por conseguinte estarás
 
a amar os outros também.
Muita gratidão.

Sem comentários:

Enviar um comentário